Buscar
  • Revista Siga

Centro de Educação Infantil no Volta Grande será reformado e ampliado em Volta Redonda

Após a obra, número de vagas crescerá mais de 40%; além desta, outras quatro unidades da prefeitura também passam por reforma



A Prefeitura de Volta Redonda prepara as unidades da Rede Municipal de Ensino para receber os alunos após a pandemia da Covid-19. No momento, cinco escolas passam por reformas. O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Vera Lúcia Silveira Braga, antigo Branca de Neve, que fica na Rua 1023, no Volta Grande, será reformado e ampliado. A obra, com previsão de término para o final do mês de maio, vai permitir crescimento de mais de 40% no número de vagas.


A obra prevê reforma das salas de Soe/Sop (Serviço de Orientação Educacional e Serviço de Orientação Pedagógica), direção, reunião; secretaria com banheiros, depósito, refeitório, cozinha, dispensa, panelário, área de serviço, DML (depósito de material de limpeza), área de secagem e banheiros para funcionários da cozinha, além de banheiro com acessibilidade. A estrutura ainda vai contar com oito salas de aula com solário, sala de vídeo, sala de informática, sala de estimulação com solário, banheiros externos, banheiros infantis (masculino e feminino); e pátios coberto e descoberto.

De acordo com Cristina Teixeira, da Assessoria de Obras da Secretaria Municipal e Educação (SME), o projeto foi pensado para atender às necessidades do público assistido na unidade. “O CMEI, que antes da pandemia atendia 180 alunos de 1º e 2º períodos, na faixa etária de 4 e 5 anos, passará a receber 320 alunos entre 1 a 5 anos”, informou.

A secretária municipal de Educação, Terezinha Gonçalves, a Tetê, lembra que também estão em reforma o CMEI Zilda Arns, no Conforto, que será ampliado; a Escola Municipal Profª Marizinha Félix, no bairro Três Poços, que passa por reforma e implantação de projeto contra incêndio e pânico; o CMEI Madre Tereza de Calcutá, no Santo Agostinho, que passa por obra para reforço estrutural; e Escola Municipal Amazonas, no Retiro, que também será ampliada. “Além das cinco unidades da Rede Municipal de Ensino que já estão em obra, a equipe da secretaria está visitando as demais escolas e identificando problemas que precisam ser sanados antes do retorno dos alunos. Vamos estabelecer as prioridades e trabalhar para receber estudantes e profissionais da educação em ambiente funcional e confortável”, afirmou Tetê.

0 comentário