Buscar
  • Revista Siga

PSA prorroga paralisação por tempo indeterminado

Fabricante das marcas Peugeot e Citroën suspendeu suas operações em 23 de março



Com operações suspensas desde o dia 23 de março, a PSA Peugeot Citroën decidiu não retomar a produção nesta segunda-feira, 1, conforme previsto, e seguirá com a fábrica de Porto Real, no sul-fluminense, paralisada por tempo indeterminado.


Em comunicado, a PSA informa que a extensão do período de interrupção deve-se ao quadro gerado pela Covid-19 no Brasil e que a volta dependerá do desenrolar da situação atual: “Vamos avaliar o melhor momento para retorno no futuro, a fim de garantir as condições mais seguras possíveis e o bem-estar de nossos colaboradores, com a aplicação de um rigoroso protocolo global reforçado de medidas de segurança”.


Enquanto o grupo francês decide pela continuidade da paralisação, várias outras montadoras começam gradualmente a retomar produção, dentre as quais a FCA, que representa as marcas Fiat e Jeep, a Volkswagen e a General Motors.


A PSA produz em Porto Real os modelos Citroën C3, Aircross e C4 Cactus e os Peugeot 208 e 2008. Em abril, no dia 22, a empresa fechou acordo de redução de jornada e de salário com base na medida provisória 936, que visa preservar empregos neste período de crise. A proposta aprovada por ampla maioria dos trabalhadores tem validade por 90 dias.

© 2014-2020 Todos os direitos reservados

Contato​:

Pauta: jornalismosiga@gmail.com

Comercial: sigamidia@gmail.com

  • Facebook ícone social
  • Instagram